sexta-feira, 22 de julho de 2016

Oi tudo bem?

Na volta, trilha pra ir embora das cachoeiras
Que loucura né, estava aqui de buenas, procurando se meu nome tinha sido chamado em algum concurso e por fim, achei umas fotos e umas postagens minhas de 2010.
Lembrei que eu tinha um blog, aliás, esse blog, o estena, que começou sendo um blog pessoal, depois para um blog de humor, depois para conteúdos diversos, por fim, era um meio de fazer propaganda pra ganhar dinheiro.

O Engraçado é que o mais legal dele, de tudo que já postei, foram as minhas próprias postagens escritas, contando o meu dia-a-dia, muito bom ler e estar presente naquele momento passado, nem que seja por alguns instantes.

Com esse sentimento resolvi voltar a escrever, não que alguém vai ler, mas sei lá, pra daqui 5 ou 6 anos, eu entrar aqui e ler tudo isso.

Então, vou contextualizar um pouco.
Hoje, 25 anos, praticamente casado com a Gabi, apesar de não estarmos casados legalmente, moramos juntos. Estou na reta final da faculdade, já paguei todas as matérias presenciais, só falta agora apresentar o TCC e entregar os relatórios de estágios.

Bem, hoje foi um dia bem legal, o Joe e a Lari, moradores da primeira geração, da primeira república que morei em Rondonópolis, estavam aqui na cidade, daí ontem a gente veio tomar umas breja aqui em casa, juntamente com a Karola, a Carla (roomatter do Joe) e Thata (que não ficou muito tempo), enfim, ontem já foi mó da hora, conversamos muitos, relembramos de muitas coisas do passado.
Enfim, hoje partimos para a cachoeira, aliás, cachoeiras, fomos para a Carimã, incrivelmente, toda vez que vou lá descubro algo novo, dessa vez, o Joe me apresentou uma cachoeira que eu não conhecia, então, oficialmente agora conheço as 10 cachoeiras do complexo carimã.

Anyway, chegamos lá meio dia e descemos pra cachu, logo de cara fiquei meio de cara com a roomater do joe, acredito que ela seja naturista, ou simplesmente não sente vergonha mesmo, eu entrei na cachoeira, quando olho pra trás, a menina lá., só de shot, fazendo topless, no começo foi bem diferente pra mim, no quesito de pudores e tudo mais, mas passando o "choque" inicial, percebi que eu estava sendo um tolo, afinal, acho que meu peito é até maior que o de mutias meninas por ai (haje gordura ahuahau) e eu não estou me preocupando em querer esconder ou usar bikini.
Enfim, depois do primeiro impacto, foi super natural.

Eu, Carla, Joe e a Laríssima

Beleza, logo quando fui entrar na cachoeira, ralei minha perna num pedaço de galho, beleza... depois, quando estávamos indo para outra cachu, a garrafa de refri, que estava cheia de água, que estava encaixada em minha mochila, caiu enquanto eu estava abaixando e foi certeira com a tampa em meu dedo, SÁPORRADÓIPRACARAIO.

Enfim, depois na trilha dei umas furada no meu pé... fumei bastante, comemos bastante, bebemos água bastante, enfim, foi muito bão o dia.

Na volta, a Larríssima me deixou no trabalho da Gabi (Sesc) e tava rolando o bulixo. bem legal, comi umas pamonha lá e uns doces, enfim, vimos pra casa, a gabi dormiu no sofá e eu fui pro note, dai comecei a ver várias coisas, inclusive, lembrei de olhar para ver se eu tinha sido chamado em algum concurso.